As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

G1 - http://g1.globo.com/
25/06/2018
Proposta quer passar gestao de Parque Nacional de Chapada dos Guimaraes ao governo de MT

Proposta quer passar gestão de Parque Nacional de Chapada dos Guimarães ao governo de MT

Por Thais Teles e Cinthya Rocha, TV Centro América
25/06/2018 10h05 Atualizado há 4 horas

Há 29 anos o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é administrado pelo governo federal. Agora, a Assembleia Legislativa quer que o parque seja estadualizado.

Uma proposta em discussão na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) quer transferir a gestão do Parque Nacional Chapada dos Guimarães, que atualmente é nacional para o governo do estado.

O parque tem 32.600 e diversos atrativos, como cachoeiras, trilhas, a Casa de Pedra, entre outros. A entrada é de graça, mas alguns passeios precisam da contratação de um guia autorizado. No ano passado, o parque recebeu 170 mil visitantes.

Há 29 anos o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é administrado pelo governo federal, mas agora a Assembleia Legislativa quer que o parque seja estadualizado, ou seja, que o governo de Mato Grosso gerencie esse patrimônio ecológico.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (Icmbio) é o atual responsável pelo gerenciamento do parque.
A representante do instituto garante que o local consegue atender o público de forma satisfatória e que o maior desafio é cuidar de toda extensão do parque.

O Ministério Público Federal é contra a estadualização do parque.

Estadualização do Parque Nacional de Chapada provoca polêmica
Em nota, o MPF afirma que a proposta parece que nasceu morta e justifica que o parque se constitui em Unidade de Conservação de Proteção Integral de Posse e domínio federa.

Por esse motivo, encontra-se fora da esfera de poder do estado de Mato Grosso e que é notória a atual dificuldade orçamentária do estado, que já tem comprometido o bom cumprimento de suas mais básicas obrigações financeiras, pondo em dúvida a real capacidade de gerir e aportar recursos.

O Ministério Público Estadual também é contra o parque ser administrado pelo governo. Uma das obras que deveria ser feita pelo governo do estado está parada há anos.

Logo na entrada do parque nacional, o posto de informação e controle de acesso ainda está assim.

A Secretaria Estadual de Meio Ambiente informou que todas as unidades estaduais de conservação possuem veículo e gerência.

Segundo a Sema, o secretário da pasta, André Baby, está visitando todas as unidades em busca de alternativas para o desenvolvimento das mesmas. Não tivemos resposta sobre a obra parada na entrada do parque de chapada.

https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/noticia/proposta-quer-passar-gestao-...