As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Correio Braziliense - http://www.correiobraziliense.com.br/
11/07/2018
Seca: incendio atinge mais de 73 hectares da Floresta Nacional de Brasilia

Seca: incêndio atinge mais de 73 hectares da Floresta Nacional de Brasília
11/07/2018 14:47 / atualizado em 11/07/2018 21:25

Alan Rios e Bruna Lima

A área queimada equivale a mais de 102 campos de futebol. Os bombeiros atuaram por aproximadamente 6 horas até controlar as chamas

O corpo de bombeiros atuou no combate a um incêndio na Floresta Nacional de Brasília (Flona 4), ao lado da DF-445. Eles foram chamados às 10h58 da manhã desta quarta-feira (11/7) e as chamas só foram controladas por volta das 17h. Equipes dos batalhões de Brazlândia e da Asa Norte foram acionados. Ao todo, foram necessários 5 viaturas e 21 militares para impedir que as chamas se alastrem.

O fogo atingiu dois quadrantes da Flona, chegando a ultrapassar 73 hectares de área queimada, o que equivale a mais de 102 campos de futebol.

Incêndios

Em abril deste ano, o governador Rodrigo Rollemberg decretou estado de emergência ambiental em Brasília por conta do tempo seco, para prevenir queimadas. O decreto, publicado no Diário Oficial do Distrito Federal, prevê que essa situação de alerta vá até novembro. Para denunciar queimadas, basta entrar em contato em algum dos números de órgãos de proteção, como o 193 (Bombeiros), o 162 (Ibram) ou o 99351-5736 (WhatsApp da Polícia Militar Ambiental).

Levantamento dos Bombeiros a pedido do Correio, revela que, de maio, início da estiagem, até sábado (7/7), foram registrados 847 ocorrências desse tipo no DF. De acordo com a corporação, a quantidade de queimadas nesta época do ano tende a chegar a até 50 por dia.

Em 2017, houve 2.219 registros de incêndio em florestas. A quantidade de vegetação queimada corresponde uma área de 2,2 mil hectares, ou mais de 3 mil campos de futebol colocados lado a lado.

https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2018/07/11/int...